Agora Escolha … Matthew ou Matthews?

Andava eu entretido à procura do álbum de Scott Matthews, de quem falei há uns meses atrás, e que lançou há alguns dias o seu novo trabalho Elsewhere, quando me deparo com um outro artista, de nome Scott Matthew. Para além da pequena diferença na terminação, o som que os caracteriza é também distinto, apesar de ambos marcarem as suas canções com uma tonalidade algo melancólica que eu tanto aprecio. No que concerne a Matthews, o seu single Fractured rompe com a sonoridade mais calma e serena de Passing Stranger, seu anterior trabalho, mas confesso que ainda não escutei mais nada para além do já referido single. Será algo sobre o qual me debruçarei, talvez, no futuro.

Quanto a Matthew, ao que parece, já vai igualmente no seu segundo trabalho de originais, apesar de contar com algumas colaborações em outros trabalhos dispersos e revela uma forma de se apresentar mais taciturna, sofrida, e o seu som é também cinza escuro, mas ao mesmo tempo suave e encantador. Escutem-no que não se vão arrepender!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s